Editora Intrinseca
  1. UM

    A popularidade é estranha. Não se pode defini-la de fato, e não é legal falar sobre o assunto, mas você reconhece quando a vê. Como um olho vesgo ou como pornografia.

    A questão é: nós podemos fazer coisas desse tipo. Sabe por quê? Porque somos populares. E somos populares porque podemos sair ilesas de tudo. Então é um círculo vicioso.

  2. DOIS

    A questão é que o déjà-vu sempre vem e vai com grande rapidez – trinta segundos no máximo. Mas esse não acaba.
    Tudo é igual: Eileen Cho dando gritinhos ao receber rosas no primeiro tempo de aula e Samara Phillips se inclinando e sussurando: “Ele deve amá-la muito, mesmo.” Passo pelas mesmas pessoas, nos mesmos corredores, na mesma hora.

  3. TRS

    Mas no ano seguinte – no ano seguinte ao dia -, um dos meninos mais populares do colégio se matou exatamente da mesma maneira. Tudo foi igual: o método, a hora, o lugar. Exceto que este cara era o capitão do time de natação e do time de futebol.

    Ele apenas deixou um bilhete de uma linha: Somos todos carrascos

  4. QUARTO

    Diz VADIA em letras grandes e brilhantes.

    Não me importo. Estou a fim de ser olhada. Sinto-me como se pudesse fazer qualquer coisa agora: dar um soco na cara de alguém, rouber um banco, ficar bêbada e fazer alguma bobagem. É o único benefício de se estar morta. Não há conseqüências.

  5. CINCO

    É estranho quanto as pessoas mudam. Como se não houvesse qualquer continuidade nas pessoas. É um pouco trist,e se parar para pensar.
    Como se algo se rompesse quando você faz 12 anos, ou 13, ou qualquer que seja a idade que você atinja quando não é mais criança, mas um "jovem adulto", e depois disso você é uma pessoa totalmente diferente.

  6. SEIS

    Elas pulam e recuam quando entro. Estavam lendo os bilhetes, óbvio.
    É estranho pensar nisso – aqueles papeiszinhos, trechos de palavras, quase eleogios, elogios sarcásticos, promessas quebradas, semidejesos e quase expressões do que você realmente quer dizer: nunca contam a história inteira, ou nem sequer a metade delas.

  7. SETE

    Você simplesmente não sabe.
    Mas acho que é uma coisa boa, na verdade, pois se você soubesse seria quase impossível deixar de fazer. Quando você sabe, é como se lhe pedissem para se afastar da beirada de um penhasco:  tudo o que você quer fazer é cair de joelhos e beijar o chão firme, cheirá-lo, segurar-se nele.

  1. UM
  2. DOIS
  3. TRÊS
  4. QUATRO
  5. CINCO
  6. SEIS
  7. SETE

Home

Os Namogramas são rosas com bilhetinhos que você pode mandar por nossos cupidos para seus amigos, namorados e quem mais você quiser presentear.
Escolha o seu envie já.

Escolha um Namograma

  • namograma01
  • namograma02
  • namograma03

 

Os comentários estão encerrados.